top of page

Toda babosa é medicinal?


Tenho recebido muitas perguntas sobre babosa medicinal X ornamental. É importante citar que o gênero Aloe engloba mais de 500 espécies. Dentre elas, cerca de 4 apenas, são medicinais, umas mais indicadas para uso externo e outras para uso interno.


Apesar deste baixo número de representantes medicinais, o que vemos muito mais a venda nas feiras e casas de jardinagem são as medicinais.


Para saber se a babosa é medicinal ou não basta cortar uma folha (lembrando que colhemos sempre a folha inteira e não pedaços dela) e deixar ela durante a noite em cima de papel. Se ela ficar avermelhada na área do corte, assim como na foto, é a medicinal.



Alguns pontos importantes que já citamos diversas vezes por aqui:


- Babosa medicinal só é mais medicinal quando atinge seus 10 anos de vida. Antes disso não é considerada tão fitoterápica.


- Além da idade, temos que nos atentar a hora da colheita. Seus princípios ativos são fotossensível, ou seja, não gostam de sol e ficam mais presentes com o cair da noite. Ou seja, colheita de babosa é noturna.


- Estes dois primeiros tópicos valem para quando desejamos fazer o consumo dela, ou seja, ingerir. Para questões de pele, não precisa obrigatoriamente seguir estes tópicos.


- Sempre que formos utilizá-la devemos retirar este seu líquido amarelado, a aloína, a qual é tóxica e causa diarreia. Para isto, colha a folha e deixe-a na vertical, dentro de um copo ou jarra, por pelo menos 2 horas (o ideal e a noite toda) para eliminar esta substância.


- Tem problema usá-la sem escorrer completamente a aloína do ponto de vista de uso EXTERNO? Nem tanto, algumas pessoas são mais sensíveis do que outras a aloína e podem sentir um pinicar a pele. Eu, por exemplo, não sinto. Afinal, não dá para esperar 12h para usar se acabou de queimar a pele, né!? Atente-se apenas a utilizar a parte mais de cima da folha, onde tem menos toxicidade. Neste caso, a Aloe vera (babosa da flor amarela) é a mais indicada.


- Tem problema usá-la sem escorrer completamente a aloína do ponto de vista de uso INTERNO? SIM! Sempre retire-a por completo. Neste caso, a Aloe arborescens (babosa da flor vermelha) é a mais indicada. Mulheres grávidas jamais devem consumir.


- Como extrair o gel da melhor forma? Tem vídeo aqui. É chato, mas é a melhor forma!


- Existem pessoas que têm alergia intensa a ela e nem tirando toda aloína poderão usar.


- Não sabe se é babosa medicinal? Não use. Não sabe se é de consumo interno? Não consuma!


- Quer consumir babosa medicinalmente? Consulte um fitoterapeuta, ele te dará instruções específicas para o seu caso.



9.373 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Unknown member
Feb 16, 2023

Olá bom dia! Gostaria de saber se posso consumir o aloe brevifolia e como o fazer.

Like
bottom of page